5 cidades históricas para você visitar na Alemanha

A Alemanha tem inúmeras cidades históricas que atraem milhares de turistas todos os anos. Aqui apresentamos 5 delas para você colocar na sua lista na próxima vez que vier visitar o país.

Passau

A cidade de Passau, na Baviera, tem uma característica peculiar: 3 rios se encontram na cidade. Inn, Ilz e Donau. Essa particularidade faz a cidade até ser chamada de Veneza da Baviera. Localizada bem próximo da fronteira com a Áustria, Passau tem uma forte influência italiana e hoje é também uma cidade universitária. Conhecida e que vale a pena a visita é a Stephansdom (catedral) com uma fachada barroca. As pequenas vielas e cafés completam o passeio pelo centro antigo da cidade.

Outro ponto de Passau que vale uma visita é o Burg Veste Oberhaus. “Burg” é um tipo de construção muito conhecida da Europa na Idade Média e se assemelha a uma pequena cidade, cercada por muros. O Burg Veste Oberhaus foi fundado em 1219 e se mantém até hoje como um dos maiores da Europa. De seu terraço é até possível ver a vizinha Áustria, que fica a poucos quilômetros de distância.

Mais em: https://tourism.passau.de/

Schwerin

Schwerin é a capital do estado de Mecklenburg-Vorpommern, no norte da Alemanha. A cidade possui um belo e famoso castelo e 12 lagos. Fundada há mais de 1000 anos, Schwerin conta ainda com um centro histórico conservado e diversas mansões que chamam a atenção dos turistas.

O castelo é uma vista à parte: com uma cúpula de ouro ela fica em uma ilha, e possui 11 andares e 635 salas. Possui ainda um museu aberto à visitação. Além disso, um jardim em estilo barroco completa a paisagem de uma das mais bonitas construções do tipo que pode se encontrar em toda a Alemanha.

Mais em: https://www.schwerin.de/en/

Photo by Maximilian Ruther on Pexels.com
Würzburg

Würzburg foi uma vítima direta da história: suas construções barrocas e outros monumentos foram alvo de bombas no final da Segunda Guerra Mundial e quase 90% da cidade foi destruída. A reconstrução durou até os anos 70 e valeu a pena. Hoje a cidade conta com construções reconhecidas pela UNESCO como patrimônio cultural, além de sua famosa ponte com figuras de quase 5 metros de altura.

Esses atributos fazem de Würzburg um lugar ideal para passeios e caminhadas. Uma outra dica são os passeios de barco através do rio Main, de onde pode se avistar toda a beleza da cidade. A fundação da cidade data do século 7 e já na Idade Média Würzburg era um importante centro de comércio. Hoje a cidade se mantém como um pólo econômico da Alemanha e é considerada uma das regiões mais prósperas do país.

Mais em: https://www.wuerzburg.de/en/index.html

Photo by Nicklas on Pexels.com
Lüneburg

A cidade de Lüneburg fica ao sul de Hamburg e fez sua história com a comercialização de sal. A extração de sal foi tanta que em certas regiões da cidade o solo já afundou e alguns prédios apresentam um declínio.

A cidade possui um muro antigo, que hoje é cercado por inúmeros parques e áreas verdes. Sua fundação data do ano 956 e Lüneburg já teve o monopólio do comércio de sal na Alemanha, o que ajudou muito em seu desenvolvimento. Lüneburg é uma das poucas cidades do norte da Alemanha que não sofreu tanto com os bombardeios da Segunda Guerra Mundial. A catedral St. Michaelis, do século 15, é uma que vale a pena a visita. Lá o compositor Johann Sebastian Bach chegou a fazer parte do coro. Também do século 15 a igreja St. Nicolai é um famoso ponto turístico da cidade.

Mais em: https://www.lueneburg.info/eng

Soest

Soest é conhecida por sua arquitetura, típica da Idade Média na Alemanha. As casas construídas com pedras de calcário e outros materiais da região estão em pé até hoje e chama a atenção dos turistas. Na Idade Média Soest chegou a ser a segunda maior cidade da Alemanha e conserva dessa época mais de 600 construções que estão sob proteção.

A cidade é cheia de pequenos jardins e vielas estreitas que possuem um charme especial. Sua fundação data do século 9 e Soest também foi uma importante produtora de sal na Idade Média. O muro que cerca a cidade foi construído em 1180 e ainda se encontra de pé. A igreja St. Petri, do ano 780, também é outro ponto que vale a visita.

Mais em: https://www.soest.de/tourismus-wirtschaft

Mapa com as cidades citadas:

Fonte: Focus – Historische Städte

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s